Sustentabilidade

Semente Diária 26/09/2022

LÍDER:

Todas as nossas atitudes causam consequências isso é certo.

Quando o assunto é a natureza, meio ambiente, a polêmica é grande e as atitudes ínfimas.

De um lado, existem aqueles que acreditam que devemos explorar ‘TUDO’ o que natureza pode nos oferecer e que os animais existem para nos servir de: comida, lazer e diversão.
Existe muita politicagem nessa perspectiva, assim como o Império Industrial que – tenta – nos convencer de que alimento processado é bom, carro elétrico resolve o problema, a venda cada vez mais agressiva de medicamentos: vitaminas e suplementos alimentares.

Do outro lado, existem aqueles que acreditam que devemos preservar ‘O QUE NOS RESTA’ de vida no planeta Terra, dos animais ao ar.
Existe outra politicagem, pois se quer medidas drásticas e que são inviáveis a curto prazo e, ainda não tornaram LEI MUNDIAL a educação da população mundial para coleta seletiva, uso inteligente dos recursos, responsabilidade de cada um na preservação da natureza.

Ainda existe outra perspectiva da qual faço parte, compreendem as pessoas conscientes de que tudo é finito no planeta.
Economizamos água, energia elétrica [usamos a solar], na produção de lixo com alimentos reais, que vem da terra. O lixo orgânico transformamos em adubo para nossas plantas; enviamos para a coleta seletiva: o ‘lixo molhado’, tais como: (restos de comida, papel higiênico, embalagens impossíveis de serem limpas) do ‘lixo seco‘: embalagens e outros materiais que podem ser reciclados.

Roupas e calçados, preferimos os que sejam de algodão e sintético que imitam couro. Usamos – o suficiente – colocamos para doação, para comprar novas peças, porque – até – o consumo exagerado é burro, mesmo que você tenha condições financeiras para a compra.

E você pode me perguntar: Mel, e os restos de comida?
Eu lhe respondo: Quando existe consciência, você só coloca no prato o que vai consumir. Não elegante deixar comida no prato, como alguns acham. E em nossas casas, os alimentos não estragam na geladeira, as compras são inteligentes e o consumo de cascas é viável.

Sim, usamos veículos automotores, pois a locomoção é necessária e – por vezes – inevitável ser feita por transporte particular. Usamos maquiagem e cosméticos de excelente qualidade sem experimentos animais.

E – ainda – por não ter opção, vacinamo-nos e vacinamos nossas crianças, sendo gratos a todo animal que dedicou sua vida, para nos salvar.

Educamos as crianças nesse padrão de consciência de que ‘não somos donos de nada’ no planeta. Tudo nos é emprestado para uso responsável, portanto, a agirem com respeito a tudo o que têm, consomem.

Eu não pego e/ou compro sacolas de plástico, pois levo minhas sacolas reutilizáveis. Reuso até os saquinhos onde colocamos alimentos nos supermercados.
Chego em casa, retiro os alimentos, enrolos os saquinhos e coloco nas minhas sacolas reutilizáveis. Após 3 usos, eles vão para os cestos de lixo dos banheiros.
E, olha que eu trabalho alternando home-office com visitas às empresas que dou consultoria, cozinho os alimentos da família, produzo conteúdo para as redes sociais, tenho meus hobbies e assisto streamings… Basta administrar o tempo com o que é importante.

Deixemos a Politicagem aos políticos. Lembre-se disso ao escolher seus representantes.
O momento é de menos blá-blá-blá e mais atitudes concretas e transformadoras.

Elas começam em nossos lares e expandem para as empresas onde trabalhamos e/ou administramos.
Pode ser paulatinamente, porque mudança de mentalidade e comportamentos demandam: Disciplina, Comprometimento e Consistência.

Se no meio do caminho, você escorregar, aprenda, levante-se, equilibre-se e siga em frente.

Minha mãe dizia: “De grão em grão a galinha enche o papo.”
Parafraseando eu digo: “De ação em ação o planeta pode ser recuperado.”

Querida Pessoa Líder,
qual tem sido seu comportamento perante o planeta?

Estamos JUNTOS na jornada Evolutiva Pessoal e de preservação do planeta.
Eu RE-conheço LIDERANÇA em você!🚀

Abraço Apoiador da natureza da Mel.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *