Autoestima é Essencial

Semente Diária 15/11/2022

Líder:

Por que a maioria dos seres humanos sofrem com a AutoEstima?

Essa é uma realidade para 99,9% da população humana de todos os tempos.

A resposta é simples: aprendizados herdados.

Que aprendizados?

Os aprendizados, as vivências nas quais a pessoa foi desrespeitada em sua individualidade.

Os pais ensinaram os filhos, que ensinaram os filhos… até você.
E, se você der bobeira, você vai ensinar seus filhos.

Quando você aprende que é um ser único, portanto ninguém é igual a você.
Você entende que não há razão para se comparar com outras pessoas, em nenhuma hipótese, ou seja, física, emocional, intelectual, espiritual, socialmente – em nada.

Mel, mas e os gêmeos idênticos?

Eles são idênticos na aparência externa, mas sentem, pensam e – possuem sequências de DNA diferenciadas. Portanto, não podem ser comparados.

Que linda realidade!!!!

Se você é um SER ÚNICO, entre todos os humanos que já nasceram, que estão vivos e que nascerão é porque você é MEGA BLASTER TOP ESPECIAL.

Valorize essa unicidade.
Cuide de seus corpos: físico, mental, emocional, espiritual como você cuida de um BEM preciosíssimo.

Quer mudar os cabelos?
Quer fazer harmonização?
Porcelanar os dentes?
Fazer Lipo?
Siliconar?
Botoxar?
Tatuar?

Faça, você é livre para fazer o que desejar com seu corpo.

Apenas, busque entender os “verdadeiros motivos” para tais mudanças.
Esses motivos devem ser predominantemente voltados para melhorar o que você já ama, já respeita, que é a sua IMAGEM, seus traços étnicos, sua herança genética.

LINDO você é. Linda é um fato.
Do jeitinho que você é, sem tirar nem por.
Um charme único. Um borógodó ilimitado.
Inteligente é realidade.
Líder é seu potencial, você pode desenvolver e aprimorar.
Sucesso? Depende de seu esforço, comprometimento e perseverança.

Ame-se é o primeiro passo para você conquistar o mundo exterior.

Estamos JUNTOS nesta jornada.

Eu RE-conheço LIDERANÇA em você!🚀

Abraço de quem acredita em você incondicionamente.

Eu – Mel Moura Moreno.

Ética

Ética: Questão de Conveniência ou Base da Liderança

Ética, nunca na história desse país, esse substantivo foi tão usado, como neste século.

Poucos conhecem o significado desse trissílabo proparoxítono!

Faz-se importante, conhecer o que diz o dicionário sobre este verbete: Ética [substantivo feminino] parte da filosofia responsável pela investigação dos princípios que motivam, distorcem, disciplinam ou orientam o comportamento humano, refletindo especialmente o respeito essencial das normas, valores, prescrições e exortações presentes em qualquer realidade social.

Que lindo!

Na Teoria fundamenta-se na Base da Liderança eficaz, eficiente e honesta.

Na Prática flexibiliza-se para a Questão de Conveniência: jogo de interesses, bajulação e lobismo.

É impressionante como é recorrente a quebra de confiança, resultando na falta de caráter, na mentira contumaz, nas falácias de muitas lideranças, principalmente na realidade corporativa.
Tal fato causa cada vez menos apontamento de dedos e introspecção séria e suspensão da prática.

ETs? Não.

Essas lideranças não seres intergalácticos, são humanoides, terráqueos, figuras midiáticas, influencers, CEOs. Analisando por esse ângulo, o que nos impõe não é um padrão de conduta alienígena, inverossímil.

São lideranças que vivem entre nós e, como tal, refletem atitudes e valores que são fácil e preguiçosamente escorregadios, porque não dizer pérfidos.

Vamos punir os ‘malfeitores’! Bradam uns.

São inocentes, vítimas do sistema! Protestam os simpatizantes.

Ruptura. Cisão. Polarização. Conjuntura estéril e que não permite diálogos, apenas discussões tendenciosas, ou a repressão dos contrários.

É a tendência, os colaboradores, ora rotulados de ‘Malfeitores’ podem – em última instância – serem punidos, sentenciados.

Alívio para os perseverantes, baseados na Ética. A crença de que o time pode – felizmente – seguir em frente confiante de que o problema foi resolvido e que o mal não os afetará mais.

Obviamente, deve existir punição suficiente, corretiva e pedagógica, para que todos façamos uma pausa, quando o pensamento necrosado, inóspito e corrupto de ceder à conveniência ocupar nossa mente.

Sim, há!

Só que, como disse o poeta Oswaldo Montenegro: “Sempre não é todo dia.”

As Leis Universais, ou a 3ª lei de Newton, conhecida como lei da ação e reação nos ensina que: ao aplicarmos uma força de ação contra um corpo, surge uma força de reação igual ou maior em um corpo diferente.

Você quer ‘resolver’ o problema?

Você deve dotar – não do impulso, mas da certeza de que o olhar deve se voltar para si mesmo, para o seu mundo interno.

Reforçar – no próprio caráter – o que acredita faltar nas lideranças corporativas.

Após, essa introspecção reflexiva, assumir as consequências de nossos atos.

Eu sei que essa questão pode parecer uma deficiência de abordagem, resultando no conhecido ‘tiro que saiu pela culatra’, porque não foi dado tempo suficiente para seguir seu curso e perceber que a abordagem estava errada.

Vale explicitar o fato, parafraseando o Ilmo. Presidente dos EUA, Abraham Lincoln: “Você pode trair a confiança de muitos por muito tempo; de alguns por algum tempo. Nunca de todos todo o tempo.”

Por isso, devemos ter muita cautela com a traição daqueles a quem você serve, aqueles que estão no poder. Mesmo que o seu fim desejável seja um upgrade na carreira, reconhecimento pessoal e/ou profissional, cumprir metas, ampliar os resultados do seu empreendimento.
Algo esperado pelas partes envolvidas, mas que corre o risco de prejudicar todas pessoas e recursos vinculados à sua atitude.

Faço-lhe uma advertência fraterna: Fuja do vício, rotineiro para muitos, conhecido como: ‘jeitinho brasileiro’ na intenção de se Autopromover, pois nunca será a melhor decisão.
Fatalmente tal atitude amadora, aparentemente “inocente” será percebida, causando uma mancha, mácula, ação punitiva, um perfil inaceitável em empresas sérias.

Hoje, estou fazendo muitas menções a pessoas muito especiais na minha história e que se fazem presentes em minhas mentorias.

Lembro o poeta inglês Robert Southey que observou:

“Nunca deixe um homem imaginar que ele pode perseguir um bom fim por meios malignos,
sem pecar contra sua própria alma. O efeito maligno sobre si mesmo é certo.”

Vivemos a Era Digital. Resolvemos quase tudo online.
São tempos delicados, um mundo pouco estável.

Um líder eficiente, eficaz e honesto dependerá mais dos seus recursos internos (conhecimento, habilidades e competências) do que das areias da mudança que mudam com o vento, sempre de acordo com a convenção social iminente.

Portanto, querida Pessoa Líder, se seus recursos internos não forem construídos sobre uma base sólida de Ética e Valores Morais.

Lamento dizer-lhe que você será sempre o Líder Nefasto, com aparência de Salvador, Necessário, Agregador, Ideal, pois contribuirá para a consolidação do problema; não com os atributos genuínos de um líder, que é ser um farol orientador, fornecendo a direção de que todo o time, a população tanto precisa, para evoluir e obter os resultados positivos, saudáveis que merecem.

Certamente, a razão subjacente para todas as negociações é: obter um lucro.
Entretanto, se não pode ser obtido honestamente, então não pode ser feito. Simples assim!

Hora de arregaçar as mangas e encontrar novos caminhos, novas estratégias viáveis para a Gestão dos conflitos, dos projetos, do desenvolvimento de cada colaborador.

Eu sei que, pode parecer sedutora a conveniência, por promover os ganhos de curto prazo. Curto prazo!

Já, a edificação do sucesso a longo prazo, só pode ser resultante do compromisso de: fazer o que é certo, mesmo quando esse curso de ação, esse processo, pode não lhe parecer interessante a curto prazo.
Ele será consistente, seguro e deixará um legado positivo para todos os envolvidos.

Finalizo com outra menção, ao oceanógrafo da Marinha dos EUA, do século XIX, Matthew Fontaine Maury exortou com razão, algo que ‘muitos brasileiros’ necessitam ler, escutar até tornar-se verdade absoluta:

“Onde o princípio está envolvido, seja surdo à conveniência”.

Querida Pessoa líder, esteja muito atenta para o fato de que o não exame dessas questões em nossas próprias vidas criará, elegerá, legitimará agrupamentos de líderes destinados à liderança com o mesmo compromisso nocivo.

Se você gostou deste artigo, comente e compartilhe.

Conhecimento é poder e merece ser
transmitido para o maior número de pessoas.

Compreensão

Semente Diária 02/11/2022

Líder:

Compreensão é uma habilidade necessária para a otimização de seus resultados.

Toda pessoa ao entrar numa empresa, deveria receber um programa de Integração do funcionário.
Nesse programa, apresentar-lhe:

  1. Missão;
  2. Visão;
  3. Valores da empresa;
  4. Plano de carreira com as competências necessárias;
  5. Cultura da organização.

Com essas informações, você pode otimizar um relacionamento saudável e empoderador com todos os colegas, com a equipe, com seus superiores hierárquicos.

Essa compreensão torna-se uma alavanca para bons relacionamentos inclusive com clientes e fornecedores.

Conheça a organização onde você emprega suas competências e habilidades, faça uma análise criteriosa da organização internamente, entenda seu funcionamento, seus objetivos de crescimento.

Essas informações trarão maior clareza sobre os possíveis obstáculos que você poderá enfrentar e qual a estratégia ou linha de conduta aplicar.

Lembre-se sempre de nunca se esquecer de lembrar que:

Sempre que um caminho se apresenta diante de você.
Descubra quem já passou por ali, como passaram e,
principalmente como eles agirão diante dessa sua nova meta.

 

Gostou desse post?
Compartilhe este conteúdo em suas redes sociais, conhecimento é poder e merece ser compartilhando.
Passe adiante!

Estamos JUNTOS nesta jornada.

Eu RE-conheço LIDERANÇA em você!🚀

Abraço Compreensivo da Mel.

Não à Censura

Cale-se ou Tempo Perdido

Esta poesia de Renato Russo, data do ano de 1986, ele era um leitor contumaz e a inspiração para essa canção vem de uma de suas leituras de Marcel Proust, em sua obra “Em busca do Tempo Perdido”, lançado em 1913.

Uma das frases célebres dessa obra registrar o momento de epifania que fará o narrador reconstituir sua vida, desde a remota infância até o momento presente, sua maturidade:

“Cessara de me sentir medíocre, contingente, mortal.
De onde me teria vindo aquela poderosa alegria?”
 

A cena é antológica, quando a personagem mergulha um pedaço de bolo, conhecido como Madeleine, numa xícara de chá, e permite-se transportar pela memória.

“Todos os dias quando acordo
Não tenho mais o tempo que passou
Mas tenho muito tempo
Temos todo o tempo do mundo”

É sabido por todos que o passado é permanente, podemos dar novos significados a conteúdos traumáticos, através da psicoterapia, da hipnose, só isso.

Já, o presente é contingente, nele tudo é possibilidade, por “tenho muito tempo / temos todo o tempo do mundo.”

“Todos os dias antes de dormir
Lembro e esqueço como foi o dia
Sempre em frente
Não temos tempo a perder”

Uma prática saudável que sugIro na Mentoria do Autoconhecimentoconstruída e personalizada para cada cliente é, antes de dormir, passar a limpo o dia.

Lembrar o que foi vivido no dia, alinhar os pontos de avanço, os pontos de limitação e apontar o aprendizado do dia, as ações de avanço para o dia seguinte.

Após essa atividade, “sempre em frente / não temos tempo a perder”, afinal o sono é garantia de saúde mental e física, para que despertemos com força para realizar nossos objetivos.

“Nosso suor sagrado
É bem mais belo que esse sangue amargo
E tão sério e selvagem
Selvagem, selvagem”

“Nosso suor sagrado” remete à frase de Thomas Edison: “A genialidade é 1% inspiração e 99% transpiração.”
Uma alusão clara à nossa capacidade de criar, de sermos gênios e perseverantes em nossos objetivos.

“É bem mais belo que esse sangue amargo”, lembrando que a ditadura teve seu fim em 1985, um ano antes da criação dessa obra, numa menção à música Cálice, composta por Chico Buarque e Milton Nascimento.

Os versos: “como beber dessa bebida amarga”, trazia a referência à dificuldade de aceitar um cenário social onde as pessoas eram subjugadas e “caladas-censuradas” de forma selvagem, não se podia expressar ideias, sentimentos e atitudes contrárias ao poder militar.

Um convite ao leitor:

“Veja o sol dessa manhã tão cinza
A tempestade que chega é da cor dos teus olhos
Castanhos”

Ver o sol é ver luz, cores dessa manhã tão cinza, é uma antítese da vida “a tempestade que chega é da cor dos seus olhos / Castanhos”, nos traz a possibilidade individual de ver, de entender a realidade: ver o sol? Ver a manhã cinza?
Tudo está na forma como você vê, encara a vida e seus desafios, tempestades.

“Então me abraça forte
Me diz mais uma vez que já estamos
Distantes de tudo
Temos nosso próprio tempo”

A necessidade de apoio, de união, para acreditar que o tempo cinza da ditadura, já passou. [será que não estamos diante da possibilidade de outra ‘ditadura’?]
Está distante. [Espero, desejo e farei a minha parte para que sim, tenha ficado no século passado.]

Afinal, “temos nosso próprio tempo”, para construir um novo cenário social, individual.

“Não tenho medo do escuro
Mas deixe as luzes acesas agora
O que foi escondido é o que se escondeu
E o que foi prometido, ninguém prometeu”

Ter medo do escuro é uma atitude própria da criança, que – por não ver – preenche a escuridão com seres ameaçadores (nesse caso, volta da ditatura, por exemplo).

Por segurança, “deixe as luzes acesas”, para que eu possa ver. “o que foi escondido é o que se escondeu / e o que foi prometido, ninguém prometeu”.

Os crimes políticos sem solução (na época – muitas vezes sem corpos), as promessas feitas e não cumpridas, mas dissimuladas pelo poder de então.

“Nem foi tempo perdido
Somos tão jovens
Tão jovens, tão jovens”

Não foi Tempo Perdido para todas as pessoas que lutaram pelo final da ditadura militar.

O Brasil, na ocasião era jovem, poderia mobilizar os jovens, para a mudança.
Essa mobilização aconteceu, pois, a maioria da população, de modo apartidário foi às ruas pedindo Diretas Já.

E hoje, 39 anos depois, o Brasil precisa de maturidade, para entender o momento delicado que vive a Democracia.

O poder do voto, a eleição de pessoas, a corrupção descarada, a volta da censura veladamente explícita e conivente.

Não!

Não é inteligente fazer com que a música Cálice (Cale-se) [clique para ouvir e escutar] de Chico Buarque volte a ser o tema, decorando a nossa realidade em 2023.

“A bebida amarga” da mentira, da dissimulação, da corrupção, da irresponsabilidade, da ausência de moral e ética por suas obrigações funcionais e cidadania… Não.

“Pai, afasta de mim esse cálice

Como beber dessa bebida amarga?
Tragar a dor, engolir a labuta?
Mesmo calada a boca, resta o peito
Silêncio na cidade não se escuta
De que me vale ser filho da santa?
Melhor seria ser filho da outra
Outra realidade menos morta
Tanta mentira, tanta força bruta

Pai, afasta de mim esse cálice”

Eu acredito que: Não foi tempo perdido.
Não queremos mais o sacrifício de nos calar.
Mesmo que, censurados e exilados no passado – por conveniência – hoje digam SIM.
Hoje, quem possui sanidade mental, boa memória e valores morais e éticos reais diz: NÃO.

Podemos Não ser mais tão jovens, mas existem JOVENS inteligentes, para que – de modo apartidário – possa compreender as REAIS necessidades do país e apoiar o que é favorável para o Brasil respirar e iniciar uma fase de crescimento sustentável, de fato, “com as luzes acesas”, às claras, com as cartas na mesa.

Compartilhe este artigo musical com pessoas queridas que merece viver melhor O SEU MELHOR TEMPO sem ser vítima do CÁLICE.

Pense. Decida. Vote com a sua consciência, moral e ética!

Obesidade Intelectual

Semente Diária 28/06/2022

LÍDER:

Entre em ação com as ferramentas que possui.

 À medida que você vai exercendo seu saber, descobrirá suas carências e necessidades de aprofundamento.

Ao perceber isso, saberá se poderá supri-las com leituras, cursos, diálogos com professores, colegas e pares de trabalho.

Muitas vezes, perde-se tempo com cursos empilhados desnecessariamente, enquanto uma boa leitura resolveria.

Outra orientação, como Mentora de Liderança é a seguinte – quando fizer um curso:

  1. Esteja presente de corpo e mente nas aulas presenciais e/ou virtuais;
  2. Faça perguntas para sanar suas dúvidas;
  3. Leia tudo o que puder sobre o tema explicado;
  4. Faça todos os exercícios;
  5. Mantenha networking com seus colegas e professores.

Após o curso finalizar, comece a praticar e implementar os novos conhecimentos no seu cotidiano profissional.

Essa prática trará experiência e evidenciará suas carências e necessidades, para poder investir em novos cursos de aperfeiçoamento.

Dessa maneira, você foge da Obesidade Intelectual e se aproxima da Excelência Profissional e da Maestria Intelectual em sua carreira: profissional e/ou empreendedora.

 

Faz sentido para você? Deixe seu comentário.
Estamos juntos nesta Jornada.

Eu RE-conheço LIDERANÇA em você! 🚀

Abraço Esclarecedor da Mel.

Conhecimento é diferencial

Semente Diária 21/06/2022

LÍDER:

Lembre-se de que a aquisição do conhecimento assemelha-se a uma refeição.

Você aprende aos poucos, a cada mastigada, saboreando as dúvidas e as respostas, movimento seu cérebro para sinapses neurais fantásticas.

Nessas sinapses você passa a cruzar a nova informação com outros conhecimentos adquiridos.

Dessa maneira tranquila e sincronizada, você vai digerindo as informações, despertando memórias de longo prazo.

Conhecimento não ocupa espaço, mas…

Se você vai compulsivamente fazendo cursos e leituras, você acaba sofrendo de obesidade cultural, ou seja, você não permite ao seu cérebro a digestão de todos os conhecimentos de modo produtivo.

Alguns de meus clientes, que sofrem de obesidade cultural, relatam que fizeram cursos e foram perceber, após meses a semelhança do conteúdo.

Uma das consequências para essa Ansiedade cultural, deve-se – inegavelmente – ao número de cursos disponíveis na internet e que, graças ao ‘nosso amigo algoritmo’ nos é apresentando massiva e agressivamente.

Uma dica de Mentoria para você:

Antes de se matricular num curso, analise as disciplinas e os conteúdos, verifique a integridade da instituição, analise qual[is] benefícios esse curso trará para você como pessoa, profissional, empreendedor.

Gosto de citar a sabedoria popular brasileira, para ilustrar: “Devagar com o andor, porque o santo é de barro.”

Em outras palavras, conhecimento sem ação, transforma-se em informação.

Conhecimento colocado em prática, transforma-se em Sabedoria.

Eu sou super apoiadora das Mentes ávidas por conhecimento, até porque sou uma delas.
Advirto – apenas – para os efeitos da compulsão, por alta oferta.
Faz sentido para você?
Estamos juntos nesta Jornada.

Eu RE-conheço LIDERANÇA em você! 🚀

Abraço Empreendedor da Mel.

Bom Gestor revê rotas

Semente Diária 17/06/2022

LÍDER:

Quando se tem um projeto importante, um feriado prolongado é A OPORTUNIDADE, para verificar os detalhes.

Dedique um tempo precioso, para ajustar os detalhes da Gestão de seus Projetos.

 

  • Estratégias: uma vez escolhidas, há a necessidade de verificar sua execução. Muitos projetos naufragam, por falhas na execução das estratégias, como por exemplo: pular etapas, apressar. Vale o ditado popular: “Quem tem pressa, come cru.”
  • Avanços: essa semana já falamos sobre isso. Um projeto é como uma árvore, você planta e precisa de cuidados constantes, para que ela cresça forte e saudável, porque muitas pragas rondam as plantações. Com os projetos algo semelhante acontece. A ansiedade por resultados, muitas vezes, fazem com que o Gestor, o líder, você, não enxergue os avanços. Eles podem ser módicos, porém sólidos. Ter paciência e constância é o grande antídoto para a praga da ansiedade. Lembro de outro ditado popular: “Coca Cola perde o gás, fica o xarope.” Mantenha o gás, a motivação no processo, a constância surpreende.
  • Retrocessos: Sim, eles acontecem, porque muitas vezes você não está no nicho certo, não adequou a comunicação, não deu/recebeu os feed-backs proativos. Mais um motivo, para pausar, analisar e entender os motivos reais dos retrocessos, aprender com eles, para avançar.
  • Inovações: Elas sempre trazem curiosidade, contudo nem sempre são favoráveis no processo. Diante de uma inovação, estude-a profundamente, colha informações de quem as aplicou e verifique os resultados. Como diz Jorge Benjor: “Olha aí, meu bem, prudência e dinheiro no bolso, canja de galinha não faz mal a ninguém!”
  • Atitude: Componente imprescindível para uma Gestão eficiente e eficaz de seu projeto (pessoal, carreira, negócio). Agir com proatividade, muitas vezes é apenas escutar e não fazer nada; outras vezes, restringe-se a simplesmente fazer o que lhe compete; em algumas, expor sua opinião – sem visar convencer – escutar o que diz seu superior hierárquico, acatar e seguir; já em algumas situações, você pode e deve se candidatar a ocupar uma posição de destaque na equipe, porque sabe que possui competências e habilidades para fazê-lo. Discernir o que fazer, envolve Inteligência Emocional e AutoConhecimento.

Como está seu Projeto? Está com dificuldade em algum ponto?
Clique e me chame, posso ajudar você a resolver.

Estamos juntos nesta Jornada.

Eu RE-conheço LIDERANÇA em você! 🚀

Abraço Empreendedor da Mel.

Gestão de Tempo

Memória é passado. Vida é presente. Futuro será presente amanhã.

Um gênio

Salvador Dali, um pintor espanhol, cuja ambição maior era representar o irrepresentável, ou seja, traduzir o inconsciente e sua linguagem intensa, anárquica, atemporal, que desconhece lógica e, ele conseguiu com maestria.

Essa característica compreende uma escola artística, conhecida como Surrealismo.

Como ele conseguiu essa proeza?

Bem, sabe-se por leituras que Dali se proporcionava picos de ansiedade e aflição – por vezes, aterrorizando-se com cadáveres de insetos, porcos-espinhos e outras situações bizarras, para que desfalcado da distinção entre realidade e imaginação, criar figuras baseadas em objetos reais, mas com diversas e múltiplas interpretações.

A obra que apresento hoje, intitulada A Persistência da Memória, (em espanhol: La persistencia de la memoria; em catalão: La persistència de la memòria) uma pintura de 1931, óleo sobre tela, tem as seguintes dimensões: 24 x 33cm, tornou-se a obra mais conhecida de Dali.

Loucura? Genialidade?

A loucura é genial.
A genialidade beira a loucura.  

O fato é que Salvador Dali impôs-se uma meta e conseguiu realizá-la a contento, tanto que sua obra permanece atual, fresca e intensa.

Uma metalinguagem interessante, quando pensamos na atualidade dessa obra de 85 anos.
Pintando relógios distendidos, derretidos, Dali desafia nosso entendimento lógico, racional do mundo físico.
Com maestria, ele ilustra uma das teorias da relatividade de Einstein:


“o tempo se curva sob o impacto da gravidade.
Se o próprio tempo se curva, por que não os relógios?”

Observemos os detalhes e entendamos alguns porquês, viabilizando leituras possíveis:

Relógios derretidos, conta-se que:

“um dia, sentado, no jantar,  diante prato principal, Dali reparou que seu queijo Camembert havia derretido e começava a se espalhar pelas bordas do prato.
Essa imagem do queijo derretido foi transposta para os relógios derretidos.
Horas depois, a pintura estava pronta.”

Criatura Bizarra: no plano central da pintura, está a auto-caricatura coberta por um relógio derretido.
Os cílios sugerem um grande olho fechado em estado de contemplação, do sono ou da morte, propondo que somente a superação do tempo “cronológico” pode soltar as rédeas da consciência, permitindo ao inconsciente falar, se expressar – através dos sonhos, mensagens codificadas do inconsciente.

Litoral vazio: a casa de Dali em Port Ligat, Barcelona era próxima ao litoral, por isso ele ilumina os penhascos e o mar com uma luz transparente e melancólica, novamente reiterando a linguagem do inconsciente, presente na metáfora dos oceanos.

Formigas e mosca: aparecem atrás do relógio laranja e no derretido à esquerda, por odiá-las estão presentes nessa obra como símbolo de putrefação, haja visto que umas se alimentam do putrefato e outras promovem a disseminação das larvas que o consomem.

O tempo cronológico passa velozmente, porque é o tempo de Kronos, constituindo o olhar de que o passado está findo, o presente é transitório, por isso merece ser dedicado à construção do futuro presente, para que assim haja a qualificação do tempo que ultrapassa o relógio, o tempo de Kairós, o tempo da emoção, o tempo da eternidade das ideias, dos sentimentos, dos legados de vida.

A Arte tem o poder de traduzir sonhos, fantasias e pensamentos.
Cabe a cada observador, senti-la profundamente, para entendê-la.

Melhoria Contínua Profissional

Semente Diária 14/06/2022

LÍDER:

“Quem fica parado é poste.”

Um líder autêntico possui a mente curiosa e desperta para conhecer, entender as inovações que surgem cotidianamente deve ser uma rotina prazerosa.

Isso não significa que você tenha de implementar tudo o que aparece pela frente. Nada disso!

Atualizar-se é adquirir o poder de refletir, de ponderar sobre as inovações, verificando sua aplicabilidade (eficiência e eficácia), bem como entender até que ponto  tal inovação poderia, pode ou poderá colaborar na sua carreira (fazer um curso seria viável, para se capacitar e diferenciar-se?), no seu negócio (otimizando processos e aumentando os resultados), na sua vida doméstica (facilitando seus afazeres).
Você sabe quem inventou e quando o 1º aspirador de pó?
Axel Wenner-Gren, fundador da Electrolux, lançou o LUX 1, em 1912, era o primeiro aspirador de pó motorizado com turbina, para que o fluxo de ar fosse eficiente, era mais leve e acessível que as versões anteriores, pesando 14kgs.
Hoje, nossos aspiradores são leves, silenciosos e super potentes, higienizando até o ar, enquanto aspiram.
Quem se lembra do lançamento do 1º Robô aspirador de pó doméstico?

Segundo a Revista Exame: “A iRobot é uma pioneira no segmento. A empresa foi fundada em 1990 por três pesquisadores do Massachusetts Institute of Technology (MIT) e começou produzindo robôs para uso militar e para a exploração espacial. Mais tarde, a empresa decidiu usar o conhecimento acumulado nas áreas de robótica e inteligência artificial para desenvolver produtos comerciais. O primeiro aspirador-robô surgiu em 2002.

Hoje ela também fabrica robôs que, em vez de aspirar pó, passam pano no chão da casa. Mais de 30 milhões de unidades foram vendidos.” (Clique para ler o artigo completo)

Inovações? Sim.
Muitos subestimaram? Sim.

Hoje é uma maravilha ver o robozinho fazendo a faxina da casa, sem estragar os móveis, silencioso, retornando à base para recarregar, enquanto a gente, falo por mim, realizamos outras atividades profissionais, domésticas, de lazer.

Afinal, aqui é uma casa onde moram 8 gatos. Onde tem gatos tem pêlos! E o amigo Robô faz toda a diferença.

Quais são as últimas notícias de inovações na sua área?
Está na hora de se atualizar

 

Estamos juntos nesta Jornada.

Eu RE-conheço LIDERANÇA em você! 🚀

Abraço acolhedor da Mel.

 

 

 

 

Conhecimento é Poder

Semente Diária 07/06/2022

LÍDER,

Você pode ser valorosa[o] pelo seu conhecimento. Isso é excelente!
Possui conhecimento técnico, acadêmico, literário profundos constituem a base de um LÍDER de excelência e maestria.

Esteja apenas com Atenção Plena para sua maneira de pensar, de sentir e de Agir.

Suas ATITUDES de LIDERANÇA devem estar além da precificação do seu trabalho.

Isso se chama congruência, ou melhor, correspondência de caráter: Quem eu sou, reflete na minha maneira de pensar, sentir, agir. Estamos falando no nível de Valores Morais, Éticos, cujo preço não é factível.

Afinal, você VALE muito mais do que a remuneração pelo seu trabalho. É assim que tem de ser.
Estamos juntos nesta Jornada.

Eu RE-conheço LIDERANÇA em você! 🚀

Abraço fraterno da Mel.